Política de Cookies

Este site utiliza Cookies. Ao navegar, está a consentir o seu uso.Saiba mais

Compreendi
aa

Sindicato Independente dos Médicos

Se num lado chove no outro troveja

28 outubro 2010

Consta-se que a agitação é grande no seio das USFs modelo B, com missivas e abaixo-assinados às instâncias superiores a reclamarem pelo não cumprimento do estipulado em sede de contratualização e do legislado relativamente ao pagamento das actividades específicas. Componente efectivo da sua remuneração mensal e contabilizado para efeitos de aposentação, esse pagamento, medido em unidades de contratualização (UC), não tem sido actualizado nem foram pagos os retroactivos devidos.

O caos que se vive nas UCSPs com os utentes sem MF dos Centros de Saúde e dos ACES, cujas necessidades básicas são mitigadas pelos médicos das UCSP à custa do horário que deveria ser destinado ao atendimento dos doentes das suas Listas, esse já não é de se constar… é bem visível e sonoro. Qual guarda-redes no momento do penalty, cresce em muitos médicos a angústia de irem diariamente para o seu local de trabalho…

Perante a falência da solução milagrosa para obviar à aposentação antecipada de médicos que agravou uma já dificil situação, e dada a propalada boa gestão económica de prescrição de medicamentos e de meios complementares de diagnóstico pelos profissionais das USFs, consta-se que o Ministério da Saúde aguarda que os mesmos coordenadores das USFs, supostamente cientes das dificuldades dos seus vizinhos das UCSPs e cientes de que não há dinheiro para carteiras adicionais (mecanismo previsto no DL 298/2007), lhe escrevam a voluntariarem-se para dar uma ajuda... mediante custo zero é o mais certo… como mais provável o será uma recusa.

Partilhar

Tags

Horas ExtraCalculadora

Torne-se sócio

Vantagens em ser sócio