Política de Cookies

Este site utiliza Cookies. Ao navegar, está a consentir o seu uso.Saiba mais

Compreendi
aa

Sindicato Independente dos Médicos

Negociação colectiva - Comunicado conjunto SIM/FNAM

16 maio 2012

Realizou-se mais uma nova reunião negocial, tendo a delegação governamental enviado na véspera uma proposta de documento que não incluía, mais uma vez, uma proposta de grelha salarial.

Logo no início da reunião, a delegação sindical sublinhou que sem a apresentação de uma proposta concreta de grelha salarial e sem o conhecimento de todas as propostas negociais relativas às várias matérias todo o processo negocial estava comprometido.

Foi, de novo, questionada a delegação governamental quanto aos níveis remuneratórios onde pretende inserir os médicos na “Tabela Remuneratória Única”, sendo óbvio que esta é uma questão fundamental e premente.

Por outro lado, é inadmissível que existindo um período negocial previsto para decorrer até meados do próximo mês de Agosto, tenha sido já ultrapassada metade desse período sem que existam quaisquer resultados negociais.

A delegação governamental sublinhou que, na sua perspectiva, era possível evoluir na negociação de outras matérias para culminar na grelha salarial.

Mais uma vez a delegação sindical manifestou a sua clara discordância quanto a essa metodologia e transmitiu a inutilidade em continuar a reunião face à ausência da proposta de grelha salarial.

Nesse sentido, a delegação governamental comprometeu-se a elaborar, no mais curto prazo, uma proposta de grelha salarial e só depois proceder à convocatória de nova reunião negocial.

As duas organizações sindicais médicas manter-se-ão em permanente contacto e as suas respectivas estruturas executivas decidirão, em momento adequado, as medidas reivindicativas a adoptar, caso os mecanismos de negociação fiquem bloqueados por novo insucesso na próxima reunião.

 

Últimos ConcursosVer Concursos

Torne-se sócio

Vantagens em ser sócio