Política de Cookies

Este site utiliza Cookies. Ao navegar, está a consentir o seu uso.Saiba mais

Compreendi
aa

Sindicato Independente dos Médicos

SPMS recusa compra de impressoras para unidades do SNS

20 janeiro 2018
SPMS recusa compra de impressoras para unidades do SNS
A SPMS tem recusado a compra de novas impressoras para as USF e UCSP na ARSLVT, referindo que isso iria prejudicar a desmaterialização da receita e sugerindo que os gabinetes médicos partilhem impressoras.

Ora, a SPMS esquece que:

- A impressão das guias da receita é fundamental para que os doentes tenham conhecimento da posologia dos medicamentos prescritos;

- As guias da receita servem igualmente de registo orientador das aquisições nas receitas para seis meses;

- As requisições de meios complementares de diagnóstico ainda são em papel;

- Os Certificados de Incapacidade para o Trabalho, vulgarmente designados de "Baixas", também são em papel;

- Os relatórios com informação clínica também têm de ser impressos em papel;

- Há vários outros documentos que têm de ser impressos em papel.

Constata-se que se está perante um fundamentalismo ideológico "sem papel" que é absolutamente desconforme com as realidades e necessidades dos utentes.

O SIM espera que as impressoras em falta sejam rapidamente adquiridas e instaladas nos gabinetes onde fazem falta, sendo assim resposta a normalidade e o equipamento básico à atividade clínica dos Médicos de Família.

Partilhar

Últimos ConcursosVer Concursos

Torne-se sócio

Vantagens em ser sócio