Política de Cookies

Este site utiliza Cookies. Ao navegar, está a consentir o seu uso.Saiba mais

Compreendi
aa

Sindicato Independente dos Médicos

Médicos ponderam sair do País

22 novembro 2011

Nos últimos anos a Europa conheceu vários fluxos de recursos humanos médicos.

São bem conhecidos:

-       Fluxo Leste Oeste – com expurgo brutal de médicos de países como a Bulgária, a República Checa, a Eslovénia, a Hungria, a Roménia e a Polónia para os mais ricos, nomeadamente o Reino Unido, a Alemanha, a Irlanda e a Áustria.

-       Fluxo Sul Norte – com as condições laborais e sociais nos países nórdicos a ditar leis.

-       Fluxo Magreb Europa – com invasão via Itália e França

-       Fluxo América do Sul e Palops – utilizando as ligações históricas com Espanha e Portugal

Também se conhece bem o desinvestimento hipócrita dos grandes Países na Formação Médica, preferindo roubar especialistas já feitos nos Países mais remediados e mesmo dos mais pobres.

A Portugal foi imposto emagrecimento.

Dizem que temos que reduzir o valor do trabalho para sermos um País com futuro e sustentabilidade.

Os médicos já estão na primeira linha do contributo para a taxa de crise, aceitando (mal) o confisco de vencimento desde Janeiro, o confisco de parte do subsídio de férias e o confisco de mais dois vencimentos pelo menos nos anos de 2012 e 2013.

Os médicos, os que puderam, saíram por aposentação, principalmente antecipada.

Os serviços degradam-se, as equipas desmoronam-se, a satisfação profissional inexiste.

Muitos passam a ser sensíveis ao apelo directo para outros Países.

Exemplos não faltam:

-       NES Healthcare recruta para hospitais privados a 2.800/libras semana.

-       CEP Consulting recruta para a Suécia, a Alemanha, a Dinamarca, a Noruega, a Suíça e a Bélgica em todas as especialidades, bem acima da remuneração portuguesa e com apoio de integração familiar, mais curso intensivo de língua.

-       Paragona Europe recruta para Suécia e Noruega a cerca de 10.000 €/mês.

-       PrivateHealth Careers recrutam para Emirados Árabes Unidos.

Tudo isto em bancas próprias, dentro do nosso território e integrado na bolsa de emprego médico, realizada em Lisboa, no Hotel Tiara.

Tenho poucas dúvidas que o País enfrenta um mau momento.

Mas não tenho dúvidas que muitos dos nossos melhores quadros vão ser empurrados para a emigração pelo actual momento e pelo actual Governo.

Últimos ConcursosVer Concursos

Torne-se sócio

Vantagens em ser sócio