Política de Cookies

Este site utiliza Cookies. Ao navegar, está a consentir o seu uso.Saiba mais

Compreendi
aa

Sindicato Independente dos Médicos

Comunicado conjunto SIM / FNAM

07 julho 2012

O Ministro da Saúde veio introduzir novos e graves factores de conflitualidade ao ameaçar com a requisição civil dos médicos face a uma greve que respeita todos os parâmetros legais e constitucionais, e que assegura integralmente todos os serviços mínimos em vigor.

Afirmar publicamente a vontade de negociar e ao mesmo tempo ameaçar os seus interlocutores sindicais, é um comportamento que não é admissível e não é susceptível de qualquer transigência.

As duas organizações sindicais sempre mostraram um efectivo e sério empenhamento negocial e foi o Ministério da Saúde que durante meses desrespeitou todos os anteriores compromissos nessa matéria e, formalmente, rompeu as negociações.

Perante o exposto, as duas organizações sindicais médicas consideram que não existem as mais elementares condições para se poder concretizar qualquer reunião negocial no escasso período de tempo que medeia até à greve nos dias 11 e 12 de Julho.

COMUNICADO CONJUNTO Link

Últimos ConcursosVer Concursos

Torne-se sócio

Vantagens em ser sócio