Política de Cookies

Este site utiliza Cookies. Ao navegar, está a consentir o seu uso.Saiba mais

Compreendi
aa

Sindicato Independente dos Médicos

Verdades incómodas sobre o INEM e as VMER's

13 janeiro 2014

Nos últimos dias têm-se sucedido na Comunicação Social as acusações e a atribuição de responsabilidades (não de culpa porque essa morre solteira) sobre a paragem de VMER's em algumas datas e em vários pontos do país, por inexistência de tripulações (médico e/ou enfermeiro).

Os responsáveis do INEM fazem de Pilatos, dizendo que à entidade apenas compete disponibilizar os equipamentos e viaturas, e providenciar formação, sendo os recursos humanos (nomeadamente os médicos) da responsabilidade dos hospitais a que está adstrita a respectiva VMER.

Algo de muito estranho, e desde logo a merecer uma pergunta formal por quem de direito e nos locais próprios, será sem dúvida o que acontece à verba anual cativada pelo Seguro Automóvel de 2% sobre o valor do prémio comercial que cada veículo automóvel tem de pagar… bastará fazer contas de aritmética para pensarmos que o INEM é mais do que autossuficiente… ou não? E se não, porquê?

Por outro lado, aqui e ali surge a "chico-espertice" de tentar equipar as VMER's com o médico que simultaneamente está escalado para uma urgência fixa numa dada unidade hospitalar e num dado horário, qual manobra ao melhor estilo do 2 em 1 de Vidal Sassoon…

Por último, pasme-se, querem pagar (o caso mais recente foi a tentativa, abortada, diga-se, do CH VNGaia) a um médico, que está na linha da frente da emergência e da responsabilidade médicas, um valor hora não só menor que o valor da hora normal como sem relação com a Categoria do médico! Quando na maior parte das vezes esse é um trabalho extraordinário e realizado em horas incómodas, e que deveria ser inclusivamente mais bem pago do que pela tabela do trabalho extraordinário…

Muitas vezes só por "carolice" e "amor à camisola" é que ainda há médicos que trabalham nas VMER's…

Uma última palavra para mais uma tirada brilhante do médico e actual SEAS, Leal da Costa, a propósito da polémica das VMER's: pensará o ilustre membro do Governo, ao recomendar aos responsáveis hospitalares que tenham em atenção as licenças concedidas aos médicos em períodos festivos, que estes profissionais não têm família e direito ao descanso?

Últimos ConcursosVer Concursos

Torne-se sócio

Vantagens em ser sócio